A Abraman é fundadora do GFMAM - Global Forum on Maintenance and Asset Management, que congrega os maiores representantes da Manutenção e da Gestão de Ativos no mundo.

O GFMAM é uma organização sem fins lucrativos fundada com a premissa de promover e desenvolver profissionais de manutenção e gestão de ativos por meio do conhecimento, padrões e práticas.

São objetivos do Global Forum on Maintenance and Asset Management:

- Reunir, promover e fortalecer a comunidade de Manutenção e Gestão de Ativos em todo o mundo;

- Apoiar a constituição e desenvolvimento de associações ou instituições que tenham como objetivo a manutenção e / ou gestão de ativos;

- Facilitar o intercâmbio e o alinhamento de conhecimentos e práticas de manutenção e gestão de ativos;

- Aumentar a credibilidade das organizações membros, elevando o perfil do Fórum Global.

Todos os membros do GFMAM são organizações sem fins lucrativos.


ACESSE O SITE DO GFMAM E SAIBA MAIS


ACESSE AQUI









Aperfeiçoe sua carreira e amplie seus horizontes!

Disponibilizamos Cursos, Congressos, Seminários, Certificação Internacional de Avaliador/Auditor de Gestão de Ativos (Certificação CAMA) e o Prêmio Melhores em Gestão de Ativos – MeGA.


Confira os depoimentos de pessoas que já estão aproveitando os cursos online oferecidos pela ABRAMAN. Inscreva-se!


“Muito bom participar na modalidade à distância, o que permitiu a nossa empresa a inserção de uma quantidade maior de pessoas, pois não havia a necessidade de deslocamento aéreo”.

“Foi de grande valia participar deste curso e os conceitos abordados vem para quebrar paradigmas na gestão de ativos. Vou me debruçar sobre o material e os livros recomendados para organizar as ideias, como sugerido, além de participar de novos cursos oferecidos pela ABRAMAN. Obrigado!”
Vagner Araujo Patrocinio


“Foi uma experiência muito boa. A preparação dos professores e a clareza foram de suma importância para o sucesso do curso. Acho que a modalidade é mais uma alternativa ao aprendizado e, tirando os contatos físicos, não deixa a desejar em relação ao curso presencial”.





O MeGA, Prêmio Melhores em Gestão de Ativos, é uma parceria da Abraman com a FNQ - Fundação Nacional da Qualidade, que tem como objetivos principais: estimular o desenvolvimento cultural, político, científico, tecnológico, econômico e social do Brasil, por meio da melhoria da gestão das organizações do País e reconhecer as organizações que tem se destacado nesse cenário, incentivando a troca de práticas de gestão bem sucedidas.

As organizações inscritas no Prêmio passam por um criterioso processo de avaliação, composto por 4 etapas:

1-Preenchimento e envio do questionário de autoavaliação, bem como das documentações obrigatórias, de acordo com regulamento do Prêmio;

2. Avaliação (visita) na empresa por, no mínimo, dois profissionais capacitados e indicados pela Abraman e FNQ;

3. Elaboração do Diagnóstico de Maturidade na Gestão de Ativos;

4. Análise e validação da lista do Prêmio MeGA por uma Banca de Juízes, composta pela Comissão Executiva e por Profissionais da Área de Manutenção e Gestão de Ativos, a serem convidados, oportunamente, com respaldo técnico e reconhecimento pelas instituições Abraman e FNQ.


”Já na primeira etapa do processo, a Autoavaliação, as empresas participantes podem refletir sobre a gestão dos seus ativos dentro dos seus negócios. A visita é outro momento de muito aprendizado, porque conversamos sobre as soluções que estão sendo trazidas, a partir das questões levantadas”, destacou Maria Cristina Costa, uma das orientadoras do Prêmio.

Para Jorge Malta, um dos organizadores do MeGA, o Prêmio é uma grande oportunidade para as empresas participantes. ‘’No final do processo de avaliação entregamos um relatório, que indica as melhorias necessárias. Além disso, os participantes passam por uma


Lançado em 2018, no 33° Congresso CBMGA, o MeGA tem se tornado, cada vez mais, uma referência. No ano passado houve o lançamento do piloto, e neste ano, a ABRAMAN e a FNQ estavam se preparando para realizar a primeira edição, quando veio a Pandemia.


“Estamos falando de um alto nível de complexidade, já que o Prêmio trata da maturidade na Gestão de Ativos. Para a nossa surpresa, neste ano, duas grandes empresas aceitaram o desafio! Para a atual edição teremos um time de 6 avaliadores e 2 orientadores. A Abraman e a FNQ realizam os cursos de formação para quem deseja atuar no Prêmio”, contou Maria Cristina.

A orientadora destacou ainda a importância do Prêmio:


“Se a gente não gerencia os ativos, eles é que irão gerenciar a gente! Precisamos divulgar mais as boas práticas de Gestão de Ativos em nosso País. A grande beleza do MeGA é que ele oferece essa referência para outras empresas”.

As grandes vencedoras deste ano serão reconhecidas na abertura do 35°CBMGA e apresentarão os seus cases na Mesa Redonda do dia 25/10, às 19h.


Fique de olho. Aprenda com as melhores!